DORIA DESOBRIGA USO DE MÁSCARAS EM LOCAIS ABERTOS A PARTIR DE 11/12

Brasil Política Últimas Notícias

O governo de São Paulo anunciou a o fim do uso obrigatório de máscaras em locais abertos e sem aglomeração a partir do dia 11 dezembro em todo o estado.

A flexibilização será permitida em lugares amplos, como rua e parques, que permitam distanciamento. Em locais fechados e transporte público a proteção ainda será obrigatória.

O governador João Doria (PSDB) destacou que o ponto de partida para a decisão foi a meta de 75% de todo o estado vacinado, a ser atingida amanhã (25).

O uso de máscara continuará sendo obrigatório em áreas internas, estações e centrais de transporte público em São Paulo, mesmo que a céu aberto.

A flexibilização, porém, não deve ser seguida em todo o estado, algumas cidades da região metropolitana de São Paulo anunciaram que o equipamento de proteção ainda será obrigatório até pelo menos o fim do ano.

Durante entrevista à imprensa, Doria e sua equipe foram questionados três vezes sobre o fato de anunciarem a liberação do uso obrigatório das máscaras antes mesmo de atingir as metas estabelecidas para os índices de casos, mortes, internações e vacinação.

O secretário estadual da Saúde, Jean Gorinchteyn, disse que os dados permanecem sendo monitorados. O governo havia anunciado que estava estudando desobrigar o uso das máscaras a partir de 1º de dezembro, porém o Comitê Científico e o governador não concordaram sobre esse prazo. A avaliação dos médicos é que, como os índices estão em melhora progressiva, talvez na prática não faça tanta diferença esperar atingir os quatro fatores.