PM MATA MÉDICO A TIROS EM CASA NOTURNA NO MARANHÃO

Brasil Últimas Notícias

As câmeras de segurança da boate gravaram o assassinato. O médico, Bruno Calaça, de 23 anos, havia se formado a pouco mais de 10 dias e estava comemorando.

O médico estava sentado no palco conversando após o show quando dois homens chegam até o rapaz e começam uma discussão. Então um dele saca uma arma e atira no peito do médico, que cambaleia e cai no chão.

Bruno morreu antes da chegada dos socorristas. Segundo o irmão da vítima William os homens chegaram verificando se Bruno estava armado, levantando sua camisa, um outro deu um murro nele. Ainda segundo ele, o homem já havia chegado com a arma sacada por baixo da camisa.

Quem aparece atirando nas imagens é o soldado Adonis Sadda. Ele aproveitou o desespero dos clientes da boate para fugir. Os homens que acompanhavam o soldado foram identificados e prestaram depoimentos.

A Polícia Militar do Maranhão abriu um procedimento administrativo contra o soldado.

O corpo de Bruno foi levado à cidade de Porto Nacional, no Tocantins.