ESCOLAS MUNICIPAIS EM MARÍLIA PRECISAM REDUZIR ATIVIDADE PRESENCIAL DEVIDO À AFASTAMENTO DE PROFESSORES POR COVID

Cidade Política Últimas Notícias

A Prefeitura de Marília precisou reduzir as atividades escolares presenciais de período integral na cidade durante fevereiro porque, de acordo com a prefeitura, 28 professores do ensino fundamental estão afastados com sintomas de Covid-19.

A partir de hoje (7), as aulas extracurriculares como educação física, literatura e culinária, que acontecem no período da tarde, estão suspensas.

Já as aulas da manhã, que fazem parte da grade, como português, matemática e geografia, continuam normalmente.

A merenda continua a ser servida, tanto no café da manhã quanto no almoço, assim como as aulas de reforço no período da tarde.

As escolas municipais de ensino fundamental (1º ao 5º ano) afetadas são:

  • EMEF Amaury Pacheco;
  • EMEF Celio Corradi;
  • EMEF Cecília Alves Guelpa;
  • EMEF Nelson Gabaldi;
  • EMEF Nicácia Garcia Gil;
  • EMEF Paulo Freire.

De acordo com o secretário de Saúde da cidade, Cassio Pinto, alguns hospitais no município já estão com 100% de ocupação nos leitos de Covid-19 e para síndromes respiratórias.

O secretário Cássio atribui o aumento substancial dos casos às festas de fim de ano e aos moradores que estão com doses em atraso para completar o calendário da vacina.