CRIANÇA DE CINCO ANOS FICA PRESA EM POÇO DE 32 METROS NO MARROCOS E MORRE ANTES DE CONSEGUIR SER SOCORRIDA

Últimas Notícias Variedades

Na última terça-feira (1), um menino caiu em um poço de 32 metros no norte de Marrocos, e ficou preso por cinco dias. Ele morreu antes que os socorristas pudessem salvá-lo neste sábado (5).

As equipes enviaram comida e oxigênio à criança, enquanto cavavam um túnel para o resgate. Imagens postadas nas mídias sociais mostraram a cena depois que seu corpo foi recuperado, com membros de equipes de resgate e espectadores reunidos no local cantando e apontando as lanternas de seus telefones para o ar.

Rayan Awram tinha cinco anos. O poço tinha apenas 45 centímetros de largura no topo e afunilava à medida que descia 32 metros até o fundo, onde Rayan estava preso, impossibilitando os socorristas de descerem.

Um parente do menino disse na sexta-feira (4) que a família percebeu pela primeira vez que ele estava desaparecido quando ouviu um choro abafado e baixou um telefone com a luz e a câmera ligadas para localizá-lo.

Ele estava pedindo ‘me tire daqui’”, disse o parente.

A região montanhosa ao redor de Chefchaouen é extremamente fria no inverno e os socorristas tentaram manter o menino vivo baixando comida, água e oxigênio através de um tubo.

As equipes de resgate trabalharam 24 horas por dia cortando uma enorme trincheira, depois abrindo um túnel horizontal em direção a Rayan, com risco de deslizamentos de terra.

Nas horas finais do esforço de resgate, os trabalhadores tiveram que se mover com extrema cautela enquanto tentavam cavar terra e rochas até onde Rayan estava.

Eles finalmente conseguiram acessar o poço na noite de sábado e carregaram seu corpo para uma ambulância.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.