“DOM PULO”, TAMBÉM CONHECIDO COMO “HERDEIRO DE PABLO ESCOBAR” É CONDENADO NO BRASIL

Polícia Últimas Notícias

O boliviano Jesus Einar Lima Lobo Dorado, conhecido como “Dom Pulo”, foi condenado a 14 anos de prisão.

O traficante, que é tratado pelas autoridades bolivianas como “herdeiro de Pablo Escobar”, por seu cartel estar à altura do falecido colombiano, é acusado de traficar 500 kg de cocaína no Brasil.

O Ministério Público Federal pede a extradição de prisão do traficante desde 2017, mas ele só foi de fato preso pela polícia boliviana em 2019, e foi mantido em prisão domiciliar.

Em maio deste ano o boliviano foi enfim extraditado para o Brasil, e ficou em prisão preventiva em um presídio de segurança máxima em Campo Grande (MS).

Ele por um esquema onde o bando do qual fazia parte arrendava fazendas no Brasil em regiões fronteiriças e construíam áreas de pouso e ele cedia aviões para o transporte de drogas para o Brasil.

“Dom Pulo” também é acusado de participar em outro caso de apreensão de mais de 200kg de cocaína no interior do Acre, somando mais de meia tonelada de drogas distribuídas no país.

O traficante deverá cumprir a pena em regime inicialmente fechado, e não poderá apelar da decisão em liberdade. Ele ainda foi condenado a pagar 1400 dias-multa, no valor de 1/30 do salário mínimo mensal vigente no Brasil à época dos fatos, por cada dia multa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.