DESEMPREGO ATINGE RECORDE DE 14,8 MILHÕES DE BRASILEIROS

Últimas Notícias Variedades

No 1º trimestre deste ano o desemprego atingiu a taxa recorde de 14,7%, segundo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O resultado representa uma alta de mais de 880 mil pessoas na fila pro um emprego em comparação com o 4º trimestre de 2020.

É a maior taxa já registrada pelo IBGE. Os desalentados (aqueles que desistiram de procurar uma oportunidade de emprego), que não são computados no número de desempregados somam 6 milhões, também atingindo novo recorde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.